Exportação de frango superou 4 milhões de toneladas em 2018

Exportação de frango superou 4 milhões de toneladas em 2018
Vendas externas do Brasil recuaram 5% em comparação com 2017. Resultados do segundo semestre compensaram as perdas em parte e setor espera crescimento em 2019.
Fonte: Da Redação, ANBA, 03/01/2019.

Foto: Ilustração/Reprodução Google Imagens.

Foto: Ilustração/Reprodução Google Imagens.

“São Paulo – As exportações brasileiras de carne de frango atingiram 4,1 milhões de toneladas em 2018, conforme informou Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA) nesta quinta-feira (03). O volume foi alcançado graças ao bom desempenho no segundo semestre, que teve média mensal de embarques de 377,3 mil toneladas, segundo a ABPA, o melhor desempenho dos últimos três anos. O setor gerenciou e reduziu as perdas acumuladas no primeiro semestre de 2018 – fechado com queda de 13,4% em relação mesmo período de 2017 – e encerrou o ano com resultado 5,1% menor em relação às 4,32 milhões de toneladas exportadas em 2017.

Parte do desempenho é proveniente do saldo positivo do setor no último mês de 2018. Confirmando as previsões da ABPA, as exportações realizadas em dezembro alcançaram 352,8 mil toneladas, volume 9,9% superior às 321,1 mil toneladas embarcadas no mesmo período de 2017.

A receita anual das exportações do setor de frango foi de US$ 6,571 bilhões, cifra 9,2% menor que o total de 2017. O bom desempenho das vendas em dezembro garantiu uma alta de 11,3% para o mês em relação a igual período de 2017, com faturamento de US$ 581,4 milhões.

“Há expectativa de que o bom fluxo obtido no segundo semestre do ano passado se mantenha em 2019, devido, entre outros motivos, às ações que o setor produtivo adotará com o Projeto 500K – liderado pela ABPA -, que tem como objetivo alcançar a média mensal de 500 mil toneladas nas exportações somadas de carne de frango e de carne suína até o final de 2020”, informou o presidente da associação, Francisco Turra, em comunicado à imprensa”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *